Dia dos namorados e você nadando num mar de solidão?

 

Na verdade, não importa. Dia dos namorados é bom até para poder reclamar tranquilo e por para fora em frente de qualquer um sua solidão contida. É dia que você não precisa se preocupar aonde vai jantar: dá para comer um sanduba em casa. Não tem que ficar semanas antes pensando em presente. Não tem que ter expectativa de nada e dá até para jogar um videogame, ler aquele livro parado desde suas últimas férias. Dá até para fazer uma receita que viu na tevê ou experimentar um pijama novo. Para os mais radicais vale até tentar assistir a todos os episódios de Game Of Thrones de volta. Vale até excluir alguém do Facebook. Só não pode achar que o dia dos namorados é mais difícil que os domingos sozinho ou as festas de família só com o iPhone de parceiro. E também não é mais difícil que as pessoas tentando te arrumar alguém para curá-lo logo dessa doença. Pessoal! Deixem os solteiros! Porque, diferente de vocês no dia dos namorados, nós não somos obrigados.

 

 

« Voltar