Cidade que resiste

Um carro depois do outro

Sua rotina recomeça

Segunda à sexta

Frenética

Imparável cidade

Que cresce

Pulsa

E expulsa quem não age

De acordo

Que insiste

Em se reinventar

Na primeira

Hora da manhã

Arte se tornar

O mundo em criatividade

Palavra inominável

Ao conservador

Subversiva por origem

Por promessa

Crescente

Revolução.

« Voltar